O perigo das Telas para as Crianças đŸ€ł

Crianças e o uso de telas: quais os riscos da superexposição?

As crianças e adolescentes dessa geração, tambĂ©m chamadas de “nativos digitais”, tĂȘm contato com meios eletrĂŽnicos (televisĂŁo, celulares, tablets) cada vez mais cedo.

Muitos acreditam que o contato precoce com as tecnologias pode auxiliar no desenvolvimento da criança e ajudĂĄ-la a se inserir em um futuro guiado pelas mĂ­dias digitais. Por outro lado, profissionais da saĂșde, alertam sobre os riscos desse contato precoce.

Estima-se que, nos Estados Unidos, 40% dos bebĂȘs de 3 meses assistam televisĂŁo todos os dias e 90% aos 24 meses.

No Brasil, o tempo de exposição Ă  televisĂŁo estimado para crianças ultrapassa as 5 horas diĂĄrias, apesar de a SBP – Sociedade Brasileira de Pediatria recomendar que os menores de 2 anos nĂŁo utilizem telas como recreação.

Os que estĂŁo entre 2 e 5 anos, de acordo com a SBP, podem usar telas por no mĂĄximo 1 hora por dia. Os maiores de 5 anos, no mĂĄximo 2 horas por dia.

Quais os benefĂ­cios e os malefĂ­cios do contato das crianças com as telas? Estamos cientes de todas as consequĂȘncias?🚹

Vamos conversar mais sobre isso nessa live com a participação da educadora Flavia Formaggio.

Sua participação Ă© essencial para enriquecer o debate aqui nos comentĂĄrios.đŸ“±âœŒïž

vocĂȘ pode gostar tambĂ©m:
Deixe seu comentĂĄrio

Seu endereço de e-mail não serå publicado.